Nazismo, Socialismo e as políticas de direita e esquerda na primeira metade do século XX

Bertone de Oliveira Sousa

Resumo


Alguns trabalhos que discutem o tema do nazismo o situam como ideologia e movimento político de esquerda. Argumentam que seu caráter revolucionário, o uso do substantivo socialismo em sua sigla e o controle da economia pelo Estado, entre outras questões, são elementos que reforçam essa definição. Neste artigo, é feita uma problematização histórica dessas questões no sentido de mostrar por que o nazismo era uma ideologia de direita e para isso também são traçados alguns paralelos entre a Alemanha de Hitler e a União Soviética de Stalin, para mostrar como alguns elementos que caracterizavam o nazi-fascismo não estavam presentes com a mesma intensidade e os mesmos significados fora de seu arcabouço ideológico e de ação. 


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.14295/rbhcs.v7i14.229

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Revista Brasileira de História & Ciências Sociais - RBHCS

Qualis Capes B1 - A Nacional

ISSN 2175-3423

Desde 07 de março de 2009 

Programa de Pós-Graduação em História

Universidade Federal do Rio Grande - FURG

 

A Revista Brasileira de História & Ciências Sociais utiliza  Licença Creative Commons Attribution 4.0

Creative Commons License

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia