Trabalhadores do porto de Porto Alegre: costumes e experiências.

Autores

  • Jairo Luiz Fleck Falcão UFMT

Palavras-chave:

Experiência. Trabalhadores do porto. Porto Alegre

Resumo

Neste texto, analisamos os elementos constitutivos da experiência dos trabalhadores do porto, focando a relação entre trabalho, memória e corpo. A memória do trabalhador está relacionada ao corpo, por ser sua principal ferramenta de trabalho, mas este nunca trabalha sozinho, precisa tanto do prolongamento e da ajuda de outros corpos em movimento, como também de máquinas e ferramentas que o auxiliem em sua jornada. A documentação que possibilitou o acesso à memória desse grupo de trabalhadores do porto foi produzida por meio da metodologia da História Oral, fruto da linguagem e da interação entre entrevistado e entrevistador.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jairo Luiz Fleck Falcão, UFMT

Doutor em História pela UNISINOS e docente na UFMT.

Downloads

Publicado

2015-05-31

Como Citar

Falcão, J. L. F. (2015). Trabalhadores do porto de Porto Alegre: costumes e experiências. Revista Brasileira De História &Amp; Ciências Sociais, 3(6). Recuperado de https://www.rbhcs.com/rbhcs/article/view/10444